segunda-feira, novembro 27, 2006

Convite

Minha cabeça hoje ta um nó e eu ando escrevendo muito, mas nada que preste (ainda) pra ser publicado. Então, como a minha cara é de pau, roubei um texto de uma amiga... Pois é a menina fala com a alma...



Me solta dessa prisão. Me tira as algemas, as cordas, a venda, as algemas. Me tira desse lugar, desse quarto, dessa casa. Me leva pra longe do meu mundo real, me liberta desses pensamentos infantis, mesquinhos, egoístas, pequenos, fúteis. Me faz esquecer as coisas ruins e usa a borracha pra apagar os traços e desenhar um sorriso na minha boca e uma nuvem no meu coração. Me acorda do pesadelo, me sacode, me belisca, grita, me tira do transe. Me traz pra vida, por favor! Te peço! Te imploro! Me faz ver a luz, a vida, e tudo que bate agora na minha porta e eu não deixo entrar... Me mostra que pelas frestas da janela o perfume pode tomar conta de mim, da minha vida, de mim e de ti. Me leva pela mão, pelo braço e pela perna. Me leva pelos cabelos, pelos pensamentos, pelos risos, pelo brilho dos teus olhos e dos teus sonhos e desejos. Me arrasta por uma praia sem nome e com ondas calmas que trazem paz ao meu coração e me fazem ver a verdadeira alegria por ter te encontrado. Me leva pra onde faça silêncio e nossas palavras sejam doces e algumas vezes desnecessárias. Me ajuda a fugir da minha vida e ir pra um lugar novo, diferente, com carinho, com uma história nossa, com novos horizontes, com novas paisagens, novos lugares, com coisas pra aprender, pra chorar, pra emocionar, pra ter medo, pra achar que é muita coisa mas querer muito mesmo assim. Vem, vem que estou pronta pra ir embora contigo... Pra onde tu quiser me levar... Eu vou!

Um comentário:

Bellaessence disse...

Ai...que texto mais lindo
Me tirou o fôlego.



Boa semana.