terça-feira, março 20, 2007

Gonorréia Mental (pq eu ando podre)


- Sete e sete são quatorze, três vezes sete vinte e um. Tenho sete namorados, mas não gosto de nenhum. kkkkkkkk. Quanta bobagem. Não tenho nenhum! Mas acordei com a musiquinha na cabeça. Devo estar regredindo!

- TPM + Inferno Astral = Jana quase explodindo.
- Dia amanheceu cinza e chuvoso. Adoro!

- Eu não tenho um Ken! Eu queria ter um Ken!

- Tive um professor na faculdade, que dizia que o primeiro passo para podermos recomeçar é aceitarmos que fracassamos. Bem e depois do primeiro passo se faz o que? Ele esqueceu de contar! Kkkkkkk

- E pra não dizer que eu não falei em BBB. Alemão (com corpão e cara de bobão – com diz Albinha) fugiu da raia na hora de enfrentar seu arquiinimigo. E este não deixou por menos e vacilou na hora de mostrar que era homem e sustentar a sua posição!

- Vocês sabem o que é furingo? Pois é, to quase mandando uma pá de gente ir descobrir!

- Bernardo tem costume de mudar de nome, e não atende se não o chamarmos do nome da vez. Faz uns 4 dias que ele só atende por Alexandre! Já disse, já pedi, já tentei até compra-lo pra mudar de nome, mas ai que ele fixa! Ninguém merece! Ninguém!

- Psicóloga me chamou na escola, pelo lance do nome, disse que não acha bom isso pra criança porque pode formar dupla personalidade. Disse pra ela que se fosse pela quantidade de nomes, ele teria múltiplas, disse ainda que ele não tem nenhum problema com isso, sabe quem é, sabe qual seu nome, isso é apenas uma brincadeira dele, tanto que ele da risada quando o chamamos de Bernardo. Disse ainda que uma escola deveria estimular a brincadeira de forma lúdica em crianças, e que tinha certeza que se conversasse com ele e explicasse que na escola teria que ser chamado de Bernardo, pois tem muitos coleginhas e seria complicado se cada um quisesse mudar o nome, pois a professora não iria conseguir lembrar o nome de todos (como eu fiz em casa, quando soube do motivo do chamado), ele entenderia, pois tem 5 anos, é criança, mas não retardado mental.

- Sobre presentes. Falávamos ontem de presentes, e eu lembrei de quando mandei pra um cara um peixe morto (claro!) com um bilhetinho preso na boca “você é pior que um peixe morto” e de outro cara com quem saia e ele ficou com uma guria, digamos assim, desprovida de beleza, e depois quis voltar comigo, mandei pra ele uma abóbora (essas mesmo de dia das bruxas) com uma bandeirinha “agora fique com essa abóbora”. Eu não sei da onde tiro tanta criatividade! kkkkkkkk

- "Janaina acorda todo dia às quatro e meia / E já na hora de ir pra cama, Janaina pensa / Que o dia não passou / Que nada aconteceu... Mas ela diz / Que apesar de tudo ela tem sonhos / Mas ela diz/ Que um dia a gente há de ser feliz / Ela diz / Que apesar de tudo ela tem sonhos / Ela diz / Que um dia a gente há de ser feliz / Janaina é beleza de gestos, abraços / Mãos, dedos, anéis e lábios / Dentes e sorriso solto / Que escapam do seu rosto / Janaina é só lembrança de amores guardados / Hoje é apenas mais uma pessoa / Que tem medo do futuro- que aconteceu / Se alimenta do passado...” (Biquíni Cavadão)

5 comentários:

Encontros e Desencontros disse...

Nossa adorei o lance dos presentes, queria eu ter essa imaginação...rs


Beijos

Sujeito Oculto disse...

1) Regredindo? Acho que já regrediu :P

2) TPM, tenho horror a isso, sempre tomei esporro de namorada com TPM por nada!

3) O Sol vai sair (isso lá é praga que se jogue?)!

4) Pra que um Ken? Ele é eunuco!

5) Ele estava errado, o primeiro passo é fracassar!

6) Us Alemão vai caíííí!

7) Não achei no Aurélio.

8) Mudar de nome tudo bem. Quando mudar de time é que a coisa vai ficar grave.

9) Psicóloga de escola é tudo idiota. Se não fosse, tava trabalhando em outro lugar. Já tive problema com elas também.

10) Criatividade eu tenho, me falta é maldade mesmo!

11) Olha pra frente, mulher! Quer sair comigo?

ki-colado disse...

Você é muito energética e percebo que o Bernardo está seguindo seus passos.

Interagir através de palavras não te ajuda muito na prática. Ações objetivas e sensatas é o caminho.

Essa história de se encontar lá na curva não dá certo, principalmente quando a chuva não deixa de cair e pode derrubar o cenário.

All right?
tradução:
Certo?

Mikas disse...

Dói-me a cabeça, tenh «o sono, vontade de ir para casa, para espairecer passei por aqui

Hoppus disse...

Eu queria tanta coisa moça...

prefiro não listar para não ser injusto, acho que estamos (todos os blogueiros) precisando de um novo amor...

ou algum, kkkkkkkkkkkkkkkk

beijos.