sexta-feira, novembro 09, 2007

To...

Entenderam né?

13 comentários:

http://blogdaisa.wordpress.com/ disse...

rsrsrs
Acho que entedi sim
Eu tb to.


Bom fim de semana

:)

Dani disse...

kkkkkkkkkkkkk
Adorei essa imagem!!!
Vou salva-la.
bjs

Renne Boz disse...

hahahahahahaha!!! Adorei o blog! Parabéns!
Renne Boz

Amanda_Bia disse...

entendi muito bem!!! desenho engraçado!!!
beijos!

ki-colado disse...

O importante é nunca perder o bom humor...

E enquanto houver vida haverá movimento!

ps. As vezes as coisas não estão ruins se imaginar-mos que poderiam estarem piores.

ps2. Lembrei de um filme se não me engano de produção francesa intitulado: " A minha vida de cachorro." mostrado o comparativo de um garoto com o destino da cachorrinha Laika que foi lançada para o espaço sem comida e água.

Pedro disse...

Entendi. E também estou assim. Esperando 2007 acabar.

Alba Regina disse...

ameiiiiiiiiiiiiii!!! tipo, vale imprimir numa camiseta e tudo. ameiiiiii !!!!! ;)

Vivi disse...

credo...
Que bolao hein..rs
O mulher e os problemas? nada resolvido?

ki-colado disse...

Agradeço pela sua aparição no blog e aproveito essa oprtunidade para dizer-lhe que embora não conheça a dimensão do seu problema, digo que escalar, subir uma montanha não é nada fácil. E a montanha, que é a vida, as vezes, nos prega algumas peças dificeis de serem aceitas. É nesse momento que nos damos conta que temos que conquista-la, para isso temos que calca-la. Ruim né? Trabalho, mudanças de estrutura, desgostos, esperanças caídas, e tantos outros dissabores. Pensei, não ia dizer, mas não custa nada mencionar já que passou que perdi um filho lindissimo ao descobrir-mos que ele estava com leucemia completando seis anos de idade. Foram dois anos direto de agonia, minha, e principalmente dele no hospital, que só saia para voltar. Por muitas vezes, dormimos numa poltrona dentro do quarto, ao lado de sua cama. Quando estava para completar oito anos, quase todo inchado, teve um derrame, e depois de passar por radioterapia morreu. A mãe até hoje chora quando lembra e no Orkut tem uma cominidade com o nome de Gabriel. Agora, estou novamente tocando a minha vida, fazendo planos para ter a familia que deixei de ter com uma garota de Salvador(BA) ciente da história e disposta a ter não um, mas três crianças. Por isso noto que a vida clama por vida constantemente, e a nossa missão, é sempre levantar a cabeça e seguir em frente, pois já dizia minha finada avó: "Vamos em frente, pois atrás vem gente". E essa gente nova que vem atrás, tem pressa, e muita. Beijos virtuais prá ti Jana, recheado de otimismo, energia, força, esperança, e fé!!!

Mauren disse...

Ixi Janaína!! Que situação! Espero que apesar do tamanho do problema, que consigas tirar de letra na solução! Beijos! Torço que se resolva no menor tempo possível!

Renne Boz disse...

rsrs..não tem problema, querida, mesmo assim, obrigada pela visitinha!
Beijos :)

Estava Perdida no Mar disse...

Jana, talvez não possa fazer nada para lhe ajudar. Saiba que se só quiser conversar tô lá vc sabe onde. E fora isso...bola pra frente e bom-humor. É sempre um bom remédio para momentos como estes.

Renne Boz disse...

Minha querida, eu espero que estejas melhor, de coração. Vir aqui e observar o quanto espirituosa vc é, com seus textos, suas palavras, seus recados, nota-se que vc é uma pessoa forte, com espírito forte e grandioso pra poder passar pelo que for! E vc vai conseguir! É uma delícia vir aqui em seu blog. Gostei muito e voltarei mais vezes.
Fique bem!
Um sorriso pra vc!!